RSS

Eu assisti Amanhecer da saga Creúsculo… – Resenha

22 nov

… e concluí que é tão ruim (ou pior) do que eu pensava.

Amanhecer

A mulherada deve ter delirado quando viu a aliança de casamento!

Pois bem, senhoras e senhores, quando uma coisa é boa, eu sempre a enalteço; agora, se é ruim, eu desço o

sarrafo sem dó nem piedade. Mas, se for pra “bater” em algo, quero fazê-lo com propriedade. Para tal, neste fim de semana, assisti a dois filmes da terrível série Crepúsculo: ao primeiro e à primeira parte do último – o que já foi mais do que suficiente para saber como funciona a franquia.

Eu descobri por que esta série faz tanto sucesso com as meninas e é repudiada pelos homens. É simples. Quando se fala em Crepúsculo, de cara vem à cabeça uma série sobre vampiros. Nós, homens, de cara imaginamos sangue, porrada, decapitação, estaca no coração e, por influência do Drácula filmado pelo Copolla e mais recentemente pela série True Blood, queremos ver umas gostosas. Só que o que essa Saga realmente oferece é uma história de romance mais rasa do que um pires, em que a personagem principal é a princesa “Troféu Picolé de Chuchu” Kristen Stewart (lembrem-se: a rainha é a Gwyneth Paltrow) e o seu par romântico é o cara mais sem sal do mundo, Robert Pattinson (o Cedric do Harry Potter 4). Para quem não sabe, a história é daquelas bem genéricas: uma guria extremamente comum vai para cidade do interior e, na escola, conhece uns amigos e desperta o interesse do gostosão misterioso. Pronto, isso é mais do que suficiente para saber o plote da história, o resto é para encher linguiça. Tem tudo quanto é clichê: o mistério de quem é o cara, o amor proibido, o triângulo amoroso com o lobisomem (afinal a guria sofre de necrofilia ou zoofilia), e por aí vai. É disso que a maioria das mulheres gosta, não os homens. A quantidade de meninas adolescentes que se identificam com isso é absurda, pois todas devem fantasiar serem a tal da Bella. Por esse motivo, o filme é um absurdo de sucesso.

A primeira parte de Amanhecer é uma chatice sem fim. O filme tem pouco mais de 1h40 e fica divido assim: 30 minutos é o casamento da guria, 30 minutos é “Lua de mel no Rio/Estou grávida”, e os 40 minutos finais é o “teretetê” do lobisomem e a sua matilha com os vampiros e a morte da Bella. Não vou dar detalhes, pois é chato pacas, mas vamos a algumas considerações:

1) Você já Leu “Cavaleiro das Trevas 2”? Eu sei que é ruim, mas é leitura obrigatória! Nesta história é levantada a questão de que a única pessoa que pode ter um filho com o Super-Homem é a Mulher Maravilha, pois ela é o único ser que aguentaria o tranco com o Azulão. Pronto, copiaram isso descaradamente aqui! Vieram com essa mesma história: a guria vai para os “finalmente” com o vampiro e sai toda machucada e grávida. Para conseguir passar pela gravidez, toma sangue de canudinho, isso mesmo, SANGUE DE CANUDINHO!!! Veja a que ponto degradante o filme chegou!

2) Se você é vampiro e tem problemas com o Sol, conte-me: você passaria sua lua de mel em um país tropical, onde o Sol é forte durante umas 14 horas por dia (16 se for horário de verão), ou iria para a Cidade de Barrow no Alaska, onde vivem os vampiros da ótima história 30 Dias de Noite (HQ e Filme de Vampiros para meninos!)? Pois bem, o tapado do Edward Globeleza escolhe o Rio de Janeiro, e essa decisão simboliza toda a lógica e coerência do filme… Para variar, o Brasil é mostrado daquele jeito genérico de sempre: Cristo Redentor, samba e praia. O final do filme é aquela coisa previsível: a guria tem a filha, morre durante o parto, o Edward vampiriza a coitada e ela vive no final. E, desta forma, acaba a parte 1 de Amanhecer. Assistindo a 1h40 do filme, eu perdi 100 minutos da minha vida!

A conclusão a que chego aqui é similar a dos filmes do M. Night Shyamalan. Quando fui assistir ao Corpo Fechado, saí decepcionado, pois esperava um filme de aventura e ele não tem nada disso. Assisti pela segunda vez, mas esperando um drama, e com essa visão eu gostei do filme! Concluí que todos os filmes do M. Night Shyamalan são dramas com toques de outros gêneros. O Sexto Sentido é drama com toques sobrenaturais, Sinais é drama com toques de ficção científica, e por aí vai. A saga Crepúsculo é a mesma coisa: não é filme de terror/suspense, e sim um horrível romance adolescente com pequenos toques de vampiros.

Com isso em mente, tenho duas recomendações:

Mulheres.

Se você é uma romântica inveterada de qualquer idade, ou uma menina adolescente com menos de 18 anos, vá assistir ao Amanhecer parte 1 sem sombra de dúvida. Você vai amar, “amiga”!

Homens.

Distância. Fique longe. Não vá ver. É um lixo. O único motivo para você assistir a esse filme é usá-lo como moeda de troca com a sua namorada. Por exemplo, você pode pedir que ela vá assistir a Immortals com você quando o filme estrear no Brasil, ou algo mais criativo…

That´s All Folks
@hugomagalhaes
@eugostodejogar (ainda com problemas, e o pessoal do Twitter não responde nossos e-mails)
Siga-nos no Facebook

 

Anúncios
 
9 Comentários

Publicado por em 22/11/2011 em Cinema

 

Tags: , , , , ,

9 Respostas para “Eu assisti Amanhecer da saga Creúsculo… – Resenha

  1. feliperecka

    22/11/2011 at 10:28 AM

    Pois então… eu, como “especialista” na saga Crepúsculo (assisti a 3 dos 4 filmes lançados) posso afirmar que esse último filme é o melhorzinho da série.

    Por incrível que pareça a Kristen Stewart melhorou como atriz, em alguns momentos ela chega a esboçar algum tipo de emoção. O rapaz que faz o lobisomem (assim como nos outros filmes) segura a onda e tira o máximo do papel… já o Robert Pattinson continua sendo um picolé de chuchu e não vale nem comentar.

    De forma geral eu não gosto da saga, principalmente na forma como a autora destruiu o mito dos vampiros. Acho que alguns pontos específicos, como a escolha de não se alimentar de humanos e a briga com os lobisomens são legais, pena que são contados de forma rasa. Se no primeiro filme o ponto alto foi o baseball com superpoderes, nesse ultimo filme lançado a cena mais interessante na minha opinião SPOILER (pare de ler aqui) foi quando o Jacob decide não matar o Edward após Bella morrer para que esse sofra pela eternidade a perda de sua amada.

    Resumindo vá assistir com sua namorada, isso vai valer alguns pontos com ela 😛

     
    • Leticia

      22/11/2011 at 12:35 PM

      Depende dos comentários que vierem depois…

       
  2. Eder

    22/11/2011 at 10:29 AM

    Immortals ‘e fraquinho ja vi e nao aprovei… armaduras de plastico bem boring….

     
  3. guidoconti

    22/11/2011 at 12:00 PM

    Na minha opinião, o Robert Pattinson fez filmes que ele já se dedicou mais como Água Para Elefantes que é um filme romântico basicão mas muito mais dramático. Em Poucas Cinzas (em que ele interpreta Salvador Dalí) ele também não está mal. Já nesta série parece que ele (e o resto) do elenco deixaram de se esforçar, afinal,não acho que ele queira ser conhecido o resto da vida por ter sido “o Edward do Crepúsculo”. Ademais, mesmo que eles interpretem de qualquer jeito, os fãs vão consumir ampla e fartamente o produto independente do resultado final.

    Esse tipo de problema não detectei no Harry Potter, que apesar de contar com o mesmo trunfo, os atores viam o filme como uma oportunidade de mostrar o serviço até o final.

    Lembro também que atores como Leonardo di Caprio, começaram sendo galãs adolescentes para depois fazerem bons filmes na maturidade (vide também o “Anjo da Lei” Johnny Depp). Espero o mesmo de Pattinson.

    Já a Kristen ela parece passar impolgação nos trabalhos que faz, mas ela ainda não mostrou aquele quê diferencial. O mais provável é que o nome dela seja apagado pelo tempo depois de ter os filhos do Pattinson e virar uma dona de casa. Espero que eu esteja errado.

    Abraços

     
  4. Hugo

    22/11/2011 at 1:06 PM

    Caco, se você comentar qualquer coisa sobre este Post eu vou te dar na cara! Na boa, de quatro blogueiros fixos, 3 conseguem comentar sobre Crepúsculo, isto é uma vergonha. Deveriamos abrir um Fã Clube do Purpurina Man Robert Pattinson e parar de escrever sobre jogos!

     

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: