RSS

GUIA DEFINITIVO DO SALAZAR PARA… OS NERDS (comentado e ilustrado)

26 mar

Hoje quero aproveitar duas coisas do cotidiano da Internet uma postagem do autor de Terra Devastada John Bogéa no Facebook salientando as diferenças entre Geeks e Nerds e o excelente post do amigo Duncan Salazar em seu blog Apendcity.

Sei que a minha postagem é bastante não convencional mas não consigo parar de pensar na explosão que se tornou ser nerd, antes as pessoas eram xingadas de Nerd e hoje quando eu falo que: Eu  sou um nerd!; logo aparece um bobalhão ao meu lado erguendo o braço e gritando: “eu também sou!”

Já tive ate uma namorada, que aos me apresentar fazia questão de deixar bem claro que apesar de todas as minhas esquisitices eu não era um NERD!

Sucessos hipsters como The Big Bang Theory e o Blog Jovem Nerd com seu famoso Nerdcast, arrebanham diariamente milhares de nerds enrustidos por toda internet, basta, para sentir esta mudança dar uma passada no meu histórico do facebook, pois quando eu posto algo importante tenho uns dois curtir ou compartilhar e quase nenhum comentário, mas quando posto o Sheldon com o Leonardo Nimoy a coisa vira de cabeça pra baixo!

Confiram o excelente post do Duncan e comentem se acharem que algo não é factível com nossa atual realidade.

“Hoje em dia nós nerds estamos em alta. Estampamos suas camisetas, seus bonés, seus muros (com grafites nérdicos de Star trek e etc) e vira e mexe eu ouço um sms acionando a já famosa campainha BAZINGA (com um Z só, eu garanto).

Mas se pararmos para pensar, o que diabos é um Nerd? De onde ele vem? Como ele se reproduz? Faz parte da cadeia alimentar dos seres vivos da Terra?

Nada tema, pequeno gafanhoto (use o Goggle, por favor!) pois Salazar está aqui para sanar de uma vez por todas suas dúvidas sobre o Nerd. Com este guia, você conseguirá identificar e até mesmo se comunicar com aquela nerdinha que se senta no fundo da sala (que hoje em dia não é mais para os mais bagunceiros e sim para os abandonados pela vida social ou não).

O termo NERD é uma classificação geral do sujeito, falando francamente. Assim como chamamos toda borboleta de borboleta e todo macaco de macaco. MAS existem as subdivisões dentro do termo. E já que sou nerd, vou tentar descrever as divisões como porcentagens.

Entenda que um nerd completo é 100% nerd. Este valor de 100% é dividido em vários temas e o tema com a maior porcentagem é o que indica o TIPO do nerd com quem você lida.

Vamos aos tipos de nerds e a melhor maneira de lidar com eles. Os termos estão em inglês pelo simples fato de que foram idealizados pela comunidade nerd americana. Eu apenas juntei todos os mamões em uma só cesta, por assim dizer.

Uma característica de TODOS os nerds é fato de querer saber sempre mais ou tudo sobre o assunto que chama sua atenção. O nerd que não procura algo no google pelo menos 3 vezes ao dia não é nerd, isso é um fato.

Entenda que, do mesmo modo que você precisa ter paciência para lidar com eles, eles devem ter para lidar com você.

1 – FanBoy

Um nerd fanboy é simples de se identificar. Ele geralmente está vestido com camisetas de HQs, filmes ou seriados. Ele também pode ser um nerd cinéfilo, desses que não perde uma estreia sequer. E se possível, ele falta no trabalho e dá cano nos amigos para assistir ao filmes ANTES de todos. Não que ele queira contar vantagem, mas é porque ele vai querer assistir ao filme/seriado/ler a revista mais umas seis vezes, junto aos amigos e ler a emoção no rosto deles. O fanboy também sabe de cor várias frases de filmes/seriados e fica irritado quando ele te cumprimenta com STEEEELLAAAAA!!!! (se seu nome é este) e você não saca na hora que ele está imitando o Marlon Brando. Eu, Salazar, sou um fanboy. Nice to meet you. Um outro nerd totalmente fanboy seria o Sheldon do The Big Bang Theory. Segue.

2 – Geek

Geeks e tecnologias andam de mãos dadas, ou deveriam. Os geeks existem desde que a tecnologia deu as caras. E estamos falando desde a roda ou o fogo, amizade. Geeks são nerds que adoram qualquer tipo de tecnologia, seja um novo motor de carro, um novo giz que sai com água, o novo IPhone 16 ou o que o valha. É sabido que muitas invenções que temos hoje em dia vieram de episódios de Star Trek e outros filmes de ficção científica. Ora, geeks participaram da criação desses filmes. Era só uma questão de tempo. Se você precisar instalar seu Home Theatre de maneira a ter o mais puro som surround sound, é do Geek que você precisa. Se assistem ao seriado Chuck, ele é um Geek.

3 – Dork

O Dork é um nerd meio estranho. Ele é praticamente a personificação do nerd clássico, de acordo com a visão norte-americana. Saqualé? Caneta no bolso, cabelo lambido para trás, gola fechada até em cima… Adaptando para o século XXI, o dork é o nerd melecão (emprestado dum Nerdcast), aquele que tem problemas em separar seus passatempos prediletos e a vida real. Não que ele seja louco, é que o mundo não traz tanta alegria quanto o mundinho dele, entende? Geralmente todo o nerd, quando é criança, tem pelo menos 20% de nerd melecão. Aí é o problema de apanhar na escola, ser chamado de CDF só pq tira dez e por aí vai. Entenda que o nerd melecão é um cara como você e que também merece uma chance na vida. Bill Gates era um nerd melecão quando criança, sacou? É dele a frase “Trate bem o nerd, um dia você irá trabalhar para um deles.”

4 – Otaku

Se você também acha que Osamu Tezuka wa manga no kami desu, você provavelmente tem pelo menos 30% de nerd Otaku. Etimologicamente falando, Otaku é uma palavra derivada de um termo japonês que se refere a casa ou família de uma outra pessoa (お宅, otaku), que também pode ser usada como um pronome na secunda pessoa de caráter honrado. A gíria moderna, diferente do uso antigo por ser escrita somente em hiragana (おたく) ou katakana (オタク ou, com menor frequência, ヲタク), apareceu nos anos 80. No anime macross, em 1982, o termo foi usado por Lynn Minmay como um termo de honra. Parece que foi cunhado pelo humorista Akio Nakamori em sua série chamada “An Investigation of ‘Otaku’” de 1983 (『おたく』の研究 “Otaku” no Kenkyū?).

Estamos entendidos? Otaku, como é usado hoje em dia, refere-se ao nerd que tem interesse pela cultura e midia japonesa, seja ela na forma de quadrinhos, fashion, anime ou até mesmo a música. Então, no próximo evento de Anime, tente entender que o Otaku é um nerd como você (e pode ser um nerd melecão, leia acima para saber lidar!) e merece todo o respeito. E afinal de contas, tu vai num evento de ANIME criticar OTAKU? É o mesmo que ir no Vaticano e dizer que odeia o papa, xará. Meio ilógica a sua atitude, falando sério. Exemplos de Otaku? O povo que faz cosplay de personagens de anime e mangá seria um bom começo.

5 – Music

O nerd musical. De acordo com o Urban Dictionary, é o tipo de nerd que é fera em tocar instrumentos e que sabe tirar qualquer música de sua ferramenta de som, bastando ouví-la pela primeira vez. Muitos desses nerds possuem ouvido absoluto, que nada mais é do que uma habilidade porreta de escutar qualquer tipo de som e saber com certeza que notas esse som faz? Garfo caiu no chão? Nossa, igual a introdução do Indiana Jones e por aí vai. Algumas pessoas desprezam o nerd musical só porque ele sabe muito mais de música do que todas elas. Cara, entenda o seguinte: ele sabe mais porque ele pratica mais e porque ele se interessa mais sobre o assunto do que você.Se você continuar a desprezar quem sabe mais do que você, você não vai aprender nada na vida e vai acabar de mal com o Google (pq ele sabe mais que você). O nerd musical está sempre antenado nas novas tendências musicais e você não entende por que ele ainda não virou VJ da MTV (pq alguns ainda estão na fase de serem dorks, é óbvio!). Eu tenho alguns amigos que tem porcentagens elevadíssimas no nerd musical. Adoro conversar sobre músicas de trilha sonora com eles. Eles também tem um pezinho no fanboy como eu e se amarram no John Williams. O Almeida, aqui do Apendcity é o exemplo que eu citaria como nerd musical DO BEM.

6 – Scripter

Lembra quando éramos crianças e tinhamos medo do Bicho-Papão? Para o nerd scripter, o bicho-papão é o selo do FBI dizendo que ele foi pego quando tentava invadir algum site importante. Vale entender que nem todo scripter é cracker (que invade para tocar o caos nos sites e roubar informações etc) ou hacker (que invade para dizer que pode). O scripter gosta de criar como todo geek, mas ele prefere estar por dentro do sistema, criando e modificando o sistema operacional, criando aquele aplicativo especial para colocar pingos nos Is do sistema. Ele também é o primeiro a encontrar os erros das novas versões do Windows. Ou seja, sem o scripter, a vida seria mega difícil, já que ele tem tempo (e paciência!) para fuçar onde os leigos e meros usuários jamais o fariam. Geralmente o scripter também tem porcentagens de geek e de gamer, como veremos a seguir. Tenho vários amigos que são scripters, mas por motivo de segurança (MINHA) não vou citar nomes. Alias, esqueça até que disse isso. Apague de sua memória. Olhe aqui para o bastão metalizado (colocando óculos escuros do MIB). Nerds de exatas geralmente se encaixam aqui e adoram a Apple e o Linux.

7 – Gamer

Eu zerei Portal 2 em 12 horas!!!! Cara, quem faz isso?!? Quem fica dois anos inteiros esperando o lançamento de um jogo, paga os olhos da cara por ele e termina o jogo em 12 horas? O Gamer faz isso. Por que? Pelo mesmo motivo do cara que escala o Monte Everest. Porque ele está lá. O gamer está ligado ao jogo. Amigos meus dizem que o gamer não vê o mundo como vemos e sim como se pudesse controlá-lo apertando X, ou quadrado. Se você precisa de ajuda para passar aquela fase ridiculamente fácil de Tomb RAider (fácil para ele) basta chamá-lo. Ele também é a pessoa perfeita para se conversar sobre novos lançamentos e ele conhece trocentos amigos para convidar se você for fazer um evento de lançamento de game (história verídica!). É claro que, assim como todo tipo de nerd, existem os dorks. Já vimos vários vídeos com eles, gritando a plenos pulmões porque ganharam um XBox. Jã ouvimos falar do famoso (ou infame) Lerooooooooooooooooy Jeeeeeeeeeeeeeeenkins. Pois é, os MMOs da vida estão cheios deles. Mas acredite, ter amigos gamers é muito legal, desde que você saiba conversar com eles. Outra faceta do gamer é ser ligado aos RPGs (seja ao vivo, no papel, tabuleiro ou no ciberespaço). Mas desses, eu só tenho elogios, adoro todos eles (a sardinha é minha e eu puxo pro lado que eu quiser, tá?). Exemplos de gamers? Olhe na LAN house mais próxima de você.

8 – Art

OMG, como eu tenho problemas com esse povo! Juro, sem brincadeiras, cada vez que vou para a Avenida Paulista, imagino-me como um T800 de .50 nos braços, disparando disparando e tombando todos. BAZINGA! O nerd artista (ou culturette como chamamos aqui em Sampa) é o nerd que fala pomposo, veste-se de maneira alternativa, curte lançamentos de filmes cabeça e adora Chico Buarque. Sem querer generalizar, basicamente ele é o cara que você chama para ajudar numa lição de literatura, porque ele já leu, ou para interpretar os sentimentos ao ver o quadro da Santa Ceia (porque ele já fez isso!). Existe um rumor de que todo nerd artista é drogado, maconheiro e etc. Isso é balela. Conheço vários nerds artistas que são gente boa, mas como tudo na vida, existem os artistas melecões. Desses você deve fugir, pq nem a barba eles fazem, às vezes. O nerd artista sabe de tudo sobre literatura, arte e basta puxar assunto sobre vinhos que ele é o cara indicado para te ajudar. E se precisar de aulas de pintura ou outra arte manual, ele manja mesmo. Só não vá com ele a um show dos Los Hermanos pedir pra tocar Ana Júlia, ok? Se quiser saber mais, vá para a Livraria Cultura ou o Starbucks (não confunda com A Starbuck – Olha o Google te ajudando de novo!) e procure o povo de boina, cachecol, livro e cara de conteúdo. Eles manjam do assunto deles, juro.

9 – Wannabe

É o famoso nerd por associação, ou por infecção. ele é amigo de nerds. Ele é a Penny do seriado The Big Bang Theory. Ele conhece o mundo nerd, participa do mundo nerd, mas para todos os efeitos: ele não é um nerd. Ele tem uma “vida”. Ele curte esportes, ele vai para as baladas, entende? Ele “pega mulher”. Ora, e quem disse que o nerd não faz tudo isso? Hoje em dia os estereótipos caíram e todo nerd pode sim fazer tudo isso. É até saudável e necessário. na verdade, as descrições acima são, como avisei no início, porcentagens que você deve usar para entender o nerd, saber lidar com ele e aceitá-lo como ele é, porque todas as pessoas também são assim (aguarde um outro Guia Definitivo do Salazar para… PESSOAS NORMAIS, quem sabe?). Isso sem falar naquele amigo seu que ODIAVA Senhor dos Anéis, mas agora que é moda ele AMA de paixão.”

Texto original em: http://www.apendcity.com/2011/09/textos/salazar/guia-definitivo-do-salazar-para%E2%80%A6-os-nerds/ de autoria e direitos reservados a Leandro Lima Rodrigues o Duncan Salazar!

Para finalizar este post eu escolhi um clipe que eu identifico muito! alias eu também me identifico com o cartaz postado no top da matéria, e com o The Big Bang Theory, e Nerdcast, pois infelizmente gasto meu dinheiro com todo tipo de coisas inúteis, miniaturas, videogames, comics, livros, arcos e espadas medievais, sabres de luz, replicas de naves enfim acho que sou 110% NERD, mas pra quem me conhece, sabe que eu já era assim a uns 20 anos atras!

Game on e Paz e vida longa, ao nerds amigos!

PS: a proposito eu sou 50% Gamer e 50% Fanboy!

Anúncios
 
2 Comentários

Publicado por em 26/03/2012 em Geral

 

Tags: , , , , , , , ,

2 Respostas para “GUIA DEFINITIVO DO SALAZAR PARA… OS NERDS (comentado e ilustrado)

  1. Hugo

    26/03/2012 at 1:32 PM

    Quem assiste big bang theory e somente por isto se acha que é nerd na verdade é um maldito Poser! Para aumentar o leque de público, aquilo lá se tornou uma comédia romântica. Desde a metade da segunda temporada ficou um lixo! É a mesma coisa quando o caboclo fala, “Sou maior fão de rock´n roll, tenho escuto sempre Restart!”!
    Só considero nerd a pessoa que entender este post que fiz há alguns dias: https://eugostodejogar.wordpress.com/2012/03/06/post-para-nerds-avancados/ – Abro excessão somente na regra da idade!

     
  2. herrmiller

    26/03/2012 at 6:55 PM

    Nerd é um pseudo-intelectual por excelencia, hehe…
    mas alguns devem garantir para si o status de intelectual genuíno, mas acredito que sejam pouquissimos…. , como vampiros ….

    falando nisto ( em vampiros ) , tenho que mostrar para voces a casa do principe da camarilla em curitiba! só não sei se ele é um ventrue ou toreador… volto com fotos do esconderijo da besta, consegui enxergar através da mascara ….
    ( e talvez esteja correndo um sério risco agora por tocar neste assunto ) 😦

     

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: