RSS

Cenários Clássicos de RPG – Glorantha

17 maio

Olá meus colegas. Tudo bem com vocês? Hoje falaremos de um cenário de RPG que sempre me inspirou e inspirou muitos jogadores pelo mundo afora. Hoje falaremos de Glorantha, um cenários mais clássicos da história do RPG.

Este cenários surgiu originalmente em 1966 pela caneta de Greg Stafford, que era um estudante das ideias campbelianas de um monomito unificador das estórias heróicas. Podemos encontrar vários aspectos destas idéias em várias partes da construção deste magnífico cenário. Como resultado, o cenário caiu no gosto do povo de diversas formas:virou 2 board games (White Bear and Red Moon/Dragon Pass e Nomad Gods), 2 RPG’s (RuneQuest e  HeroQuest), 1 jogo pra PC (King of Dragon Pass), 1 gibi (Path of the Damned), e várias outras novelas, produtos de merchandising, etc. Devido à sua história, Glorantha foi um dos cenários mais prolíficos em termos de produtos, ficando atrás, é claro, apenas de cenários como Forgotten Realms, Greyhawk  e Ravenloft.

Em Glorantha, na versão que estou analisando (a do Runequest II; que trata da 2ª Era), existem 4 reinos humanos que estão tentando controlar o mundo:

1) O Império de Jrustela (também conhecido como Império do Meio Mar), dominado pela religião dos ‘God Learners’ que pretende cumprir os desígnios do seu ‘Invisible God’ e seu profeta, Malkion. Eles possuem a habilidade de entrar no chamado ‘reino mítico’ e manipular algo chamado de ‘O Mito’ e então produzir mudanças no plano mundano;

2) O Império dos Amigos das Wyms que tenta transformar o mundo num enorme dragão para uni-lo ao Dragão Cósmico que compõe o universo. Eles possuem magias que permitem que isso possa ocorrer no plano mundano também;

3)O Império Solar de Dara Happa adora o imperador-sol Yelm e seus ensinamentos. Infelizmente estão perdendo uma guerra cultural com os Amigos das Wyrms e sofrendo com os efeitos de um imperialismo religioso em ampla escala;

4) Os Tradicionalistas dos Velhos Caminhos veneram a Tribo da Tempestade, um panteão de deuses em que o líder, Orlanth, venceu um combate mortal contra Yelm pela dominação de Glorantha.  A nação dos Tradicionalistas se encontra acuado pelos outros três reinos e em especial pelo Império Solar que jamais os perdoou pela morte seu imperador.

Glorantha também possuem reinos de Elfos, Anões, etc, como vários outros cenários. Mas a coisa interessante é a história que está por trás das maiores crenças e como a política pode manipular os heróis (os jogadores) para servirem a interesses escusos. Glorantha é um cenário onde a política ocupa um papel muito importante também.

Outra grande jogada deste cenário é possibilitar que atos lendários gerem lendas. Glorantha foi montada com os ideais épicos de Tolkien mas sem esquecer o dinamismo que Vance veio a introduzir depois. É um mundo High Fantasy onde as crenças e os mitos tem poder e, nas transcrições para RPG, sempre se procurou deixar claro a relevância disso.

Na versão do Runequest II, que é a que mais gosto, a Mongoose conseguiu demonstrar isso de uma maneira que se torne um aspecto central dos temas tratados em Glorantha e, portanto, um excelente instrumento para ser utilizado pelo mestre na hora de criar aventuras.

Glorantha é um cenário muito simples perto de cenários mais modernos, mas o tanto de ideias originalmente introduzidas e que persistiram por tanto tempo demonstram como essas idéias eram boas. Não sou muito fã de fantasia medieval, como já disse aqui, mas o potencial para histórias bacanas torna Glorantha um daqueles cenários seminais e que devem ser divulgados.

Abraço a todos!

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 17/05/2012 em Cenários, RPG

 

Tags: , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: