RSS

GUERRA DE BRINQUEDO = Medieval Toy

10 fev

user posted imagePor HerrMüller

Medieval Toy refere-se simplesmente a uma sessão de jogo em que um conjunto de miniaturas medievais deveria ser usado com algum sistema fácil e ágil, que afinal de contas não tinhamos, então usando um pouco da experiência com Wargames, assim meio na hora inventamos um sistema de regras :
– As miniaturas individuais são colocadas sobre bases de e.v.a. verde, que são normalmente usadas para jogar De Bellis Antiquitatis, na escala 1/100.
– Implementamos rapidamente os seguintes tipos de unidades :
guerreiros
arqueiros
cavalaria
lanceiros
canhões
horda

Mais tipos de unidades poderiam ter sido acrescentados, para ilustrar tipos de unidades usadas em combates antigos, como cavalaria leve, escaramuçadores, bandos de guerra, carroções de guerra entre outros, mas preferimos não complicar demasiadamente e deixar estes implementos para uma outra partida se o sistema se mostrasse consistente e divertido.

-A infantaria possuia 3 miniaturas por base, a cavalaria 2, e a horda 7, enquanto os canhões eram guarnecidos por 2 miniaturas
– Jogadas de acerto ocorriam no 5+ a distancia regulamentar, a 6 na longa distancia ( quer dizer o dobro da distancia regular ) , e no 4+ no combate corporal.
– cada unidade tinha sua quantidade de dados de defesa, com sucesso sempre no 5+ , e algumas unidades possuiam bônus de carga conforme o tipo de adversários em que carregavam, para algumas unidades se aplicavam regras um pouco diferenciadas, devido a sua natureza peculiar, como o canhão por exemplo.
– Também aplicamos regras de tiro combinado, onde uma unidade pode liderar um ataque e receber apoio de unidades amigas que estejam nas proximidades
– Aplicamos regras de flanqueamento e apoio em ataques corporais, mas realmente percebeu-se que estas regras necessitam de refinamento, algo que vale a pena tentar visto que o sistema permite combates simples mas bastante divertidos, com senso tático sendo efetivo para conquistar primazia no campo de batalha.

 

MEUMEUVERSAOb


SOAR – FRANCESES
MÜLLER – INGLESES
OBJETIVO : BATALHA CAMPAL DE 6 RODADAS

A Batalha :
– duas forças compostas de forças relativamente equivalentes, mas com algumas unidades diferentes para não uniformizar excessivamente os dois exércitos, sendo consideradas de um lado Ingleses e de outro Franceses se encontram no campo de batalha e tem um perído de 6 turnos para lutar e contabilizar ao final quem levou a melhor.
Segue um relato breve dos acontecimentos ( se é que ainda me lembro, já fazem algumas semanas que ocorreram ) :

Os formidáveis exércitos Francês e Inglês encontram-se na planície, do lado Francês está o rio Duchamps com sua antiga ponte de pedra, as companhias de besteiros genoveses tomam posição a jusante do rio enquanto uma força de infantaria atravessa a ponte e acompanha a guarnição do canhão que se posiciona a direita dela, a sua orgulhosa cavalaria segue adiante contorna os bosques daquele lado, no extremo oposto lanceiros se preparam para defender o moinho rio abaixo…

Os Ingleses enviam quase toda sua cavalaria pelo lado direito, contornando o bosque, no centro posicionam algumas unidades de arqueiros e seu canhão, no lado esquerdo enviam mais arqueiros , seus lanceiros, alguns homens de armas a pé e ladeando o bosque daquele lado segue uma horda de campesinos enfurecidos dispostos a expulsar os franceses do moinho e tomar a ponte…

user posted image

Após alguns disparos iniciais dos canhões a longa distância, o primeiro combate entre as forças ocorre no flanco direito dos ingleses onde as cavalarias de ambos os lados se chocam quando os franceses carregam sobre a vanguarda inglesa.
Uma luta furibunda entre golpes de espadas e clangor de escudos aparando golpes se desenvolve, com cavalos mordendo e escoiceando enquanto cavaleiros tombam sobre poças de sangue com feridas mortais, e as unidades manobram avançando e recuando em um jogo mortal do qual só uma das partes saira vencedora….

user posted image

No flanco oposto os ingleses iniciam um avanço sistematico, enquanto os arqueiros lançam suas flechas em grandes parábolas, a linha de arvores a frente serve de proteção para o avanço da unica unidade de cavalaria postada naquele lado…
A horda de campesinos corre solta e feroz ao lado do campo, rumando em direção ao riacho, quando se aproximam do mesmo os homens começam a tombar atingidos pelas setas e quadrelos disparados pelos besteiros do outro lado do rio, as tropas continuam o avanço mesmo com baixas, e pelo seu ímpeto se percebe que elas não vão desistir facilmente de atingirem a linha inimiga e tentarem dominar a ponte…
A luta é ingrata para ambos os lados com as flechas e quadrelos voando em todas as direções, um grupo de besteiros atira das janelas do velho moinho, enquanto o resto do contingente perfilado atras do rio e de ambos os lados da ponte tentam rechaçar o avanço inimigo…

user posted image

No centro as tropas francesas enviam reforços de infantaria para o flanco direito onde a cavalaria luta com bravura, mas os homens são sistematicamente abatidos pelos disparos do canhão ingles do outro lado, a artilharia francesa responde e também provoca baixas entre os arqueiros ingleses do outro lado….

Com o avanço da quente tarde do verão a batalha vai se definindo e os franceses começam a sobrepujar o inimigo, no flanco direito além do bosque a cavalaria francesa começa a vencer tão logo o general inimigo tomba do seu corcel, os ingleses tentam salvar a situação lutando com desabrida coragem, lanceiros correm para dar apoio ao combate e arqueiros disparam contra o inimigo, mas é tarde demais, a cavalaria inglesa é batida em todo aquele setor…
As baixas que os guerreiros franceses sofream no centro, e a definição da vitória da sua cavalaria além do bosque fazem estes homens de armas recuarem e rumarem em direção a ponte de pedra, que agora é o foco principal da batalha.

user posted image

A horda de campesinos ingleses chega a margem do rio com muitos claros na sua formação e quando consegue travar contato com o inimigo já não tem ímpeto nem moral para derrota-lo e a formação simplesmente se desfaz…
Homens de armas que atravessaram o riacho tentam tomar de assalto o velho moinho, os besteiros na construção quase fogem apavorados no primeiro embate, mas fincam o pé e resistem quando vem o inimigo sendo derrubado pelas setas da sua linha defensiva…
Os ingleses não param de chegar, e parte da linha de besteiros se mobiliza preparando linhas defensivas de troncos de arvores pontiagudos que fixam no chão …
Os lanceiros que defendem a ponte sofrem baixas das flechas inglesas mas resistem com bravura, novamente resistem a investida do inimigo que carrega com a unidade de cavalaria, que em poucos minutos é dizimada, os ingleses não desistem e lanceiros e homens de armas a pé se atiram sobre os heróicos defensores, que finalmente recuam e se protegem nas linhas de trás….

Os ingleses querem vingança, com sangue nos olhos os remanescentes da infantaria atravessam a ponte e se atiram sobre os defensores que recuaram, mas eles são simplesmente trucidades pelos quadrelos de besta da formidavel linha defensiva francesa que esta praticamente intocada naquele setor ….

Finalmente trompas distantes soam no lado inglês, cujo exército exaurido não tem mais condições de avançar…
O velho canhão silencia abandonado por sua guarnição, os poucos cavaleiros sobreviventes galopam humilhados em direção a sua linha
E os arqueiros ingleses disparam suas ultimas flechas e recuam procurando a proteção dos bosques, impregnados de um ódio mortal pelo inimigo que lhes causou tal derrota…

Vitória Decisiva dos Franceses !

user posted image

user posted image

user posted image

DADOS TÉCNICOS :
Foi bem divertido!
Miniaturas em jogo de guerra é uma coisa que tem muito apelo dramático e visual, sempre, por mais simples que sejam as regras e configurações da partida, alguma história se faz no campo de batalha.
Deu para sentir que o ‘sistema’ experimental poderia e mereceria ser desenvolvido, não obstante a existencia de grandes e notórios sistemas de combate comerciais ! s !

 
Deixe um comentário

Publicado por em 10/02/2014 em Geral

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: