RSS

=GUERRA DE BRINQUEDO= Batalha napoleônica em grande estilo

09 abr

Por Herr Müller…

Battle_of_Waterloo_1815

JOGO DE GUERRA COM MINIATURAS

Tema :  Guerras Napoleônicas
Miniaturas :   1/72 – Mateus Carneiro
Sistema :  Black Powder
Local : Clube De Wargaming E Miniaturismo TROPAS POLARES   ( CURITIBA-PR )

Uma lufada de ar fresco no cenário dos jogos de guerra vem quando você joga uma partida de algum wargame histórico que contém exércitos formidáveis em escala com pinturas no ‘estado da arte’, como é o caso desta partida de Black Powder usando as miniaturas do Mateus Carneiro, hobbysta dedicado do clube TROPAS POLARES de Curitiba.
E ele tem tudo, os exércitos principais da França e Inglaterra, seus aliados, como Prussianos e Portugueses, e também peças de cenário concernentes ao período,  tudo na mais perfeita ordem, preparado e pintado de forma acurada e fiel.

Mateus certamente vai aprontar um relato da batalha que publica em Inglês no seu blogue :
http://myevergrowingarmies.blogspot.com.br/

Mas aqui eu apresento a vocês um resumão meio apressado com belas cenas da batalha sob o ponto de vista dos Britânicos, o meu lado habitual nas batalhas com os exércitos do Mateus, acompanhe :

Os franceses vieram com o Napoleão em pessoa, ladeando a sua velha e inestimável unidade, os veteranos da Guarda Imperial.

Os Britânicos trouxeram aliados, como os infantes de Brunswick.
As imagens abaixo trazem alguns bons momentos que o exército Britânico vivenciou e depois segue um relato resumido do combate.

BP0315a

BP0315b

BP0315c

BP0315c2

BP0315d

BP0315f

BP0315g

BP0315e

Mateus :  Franceses
Müller :  Britânicos

– Os Franceses iniciaram as manobras de combate depois que os Britânicos se posicionaram deixando seu flanco esquerdo a jusante do rio sem tropas.
– Uma tropa de infantaria britânica avançou com rapidez entre o moinho e o celeiro tentando alcançar a linha de canhões inimigos que se posicionava ao fundo, foram flanqueados pela infantaria inimiga e após um tiroteio breve postos a correr.
– As tropas britanicas do centro desdobraram uma parte do contingente para barrar o avanço do regimento inimigo no outro lado do rio, enquanto os demais se preparavam para fazer frente ao avanço da guarda no centro contornando a fazenda, as tropas do centro britanico também se dividiram para combater em duas áreas, enquanto no flanco direito a cavalaria pesada galopou para trás do celeiro e aguardou para dar suporte ao combate que se avizinhava na área.
– Os canhões franceses abriram fogo na fazenda e também no flanco do outro lado do rio, os britanicos posicionaram duas baterias do centro para a esquerda e responderam ao fogo.
– Os aliados dos britânicos correram para transpor as cercas e se engalfinharam em um selvagem combate com baionetas contra a linha francesa na área, a guarda imperial incitada por Napoleão avançou e conseguiu atacar a unidade inimiga pelo flanco, o combate se tornou selvagem e encarniçado quando a formação britanica resistiu ao choque e permaneceu lutando, a guarda tentou mais uma vez dispersar o inimigo, mas este resistiu bravamente, isto deu tempo para que as linhas detrás tomassem posição e seus canhões abriram fogo sobre a guarda, esta começou a sentir a pressão, mas sua elevada moral garantiu a permanência na batalha até que finalmente a formação aliada fosse repelida após sofrer pesadas baixas, os sobreviventes conseguiram pular as cercas seguidos pelos infantes regulares de Napoleão que impelidos pelo sucesso do combate avançavam com celeridade.
– Entretanto enquanto a Guarda mudava de rumo e engajava as tropas inimigas que protegiam o flanco esquerdo, a unidade do centro com claros na sua formação após o combate com os infantes de Brunswick foi batida antes de cruzar as cercas pelos tiros de canhão do outro lado.

– No flanco direito a cavalaria francesa arremeteu contra tropas de infantaria que recuaram ante a investida.
– Os britanicos revidaram lançando sua propria cavalaria sobre uma unidade de infantaria que havia combatido e massacrado os mosquetes do centro, eles foram pegos de surpresa e pelas costas, sofreram baixas mas heroicamente resistiram quando sua cavalaria chegou para dar combate ao inimigo.
– Ambas as cavalarias recuaram após alguma escaramuça, os franceses arremeteram e os britanicos lançaram sua contra carga, os cavaleiro se chocaram com brutalidade e novamente as duas formações se separaram recuando para seus respectivos lados.
– Um impasse de forças se formou neste lado do combate, a despeito dos tiros de canhão e das manobras de cavalaria nenhum lado logrou sobrepujar o inimigo

-No flanco esquerdo as tropas francesas avançaram em toda a orla do rio, procurando locais favoráveis para vadea-lo.
– Os escaramuçadores britanicos com rifles de alma raiada avançaram pela ponte e fustigaram o inimigo, que não se deixou abater..
– As unidades de infantaria não puderam auxiliar nas manobras do rio pois tiveram que fazer frente a grande formação dos guardas de napoleão que avançavam no centro esquerdo e ameaçavam romper as forças inimigas em duas se não fossem detidos.
-No combate que se seguiu a guarda foi detida por uma formação em linha que engajou com baionetas apoiada por outra formação de infantaria regular logo atras.

– O epílogo da batalha teve dois pontos de interesse :
– No centro a guarda imperial botou para correr os regulares que a enfrentavam, e agora teria que enfrentar a outra linha de suporte que posicionada atrás.
– A esquerda a unidade de cavalaria pesada britanica arremeteu de frente  contra a infantaria que se posicionava na orla do rio, que formou um quadrado com rapidez, não obstante a ousadia e dificuldade a ação, com ímpeto e coragem a cavalaria conseguiu romper o quadrado e os sobreviventes dos franceses correram para salvar suas vidas !

Empate técnico na partida que foi interrompida pelo horário avançado.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 09/04/2015 em Geral

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: