RSS

Trash Comics: O mundo segundo a Disney Comics

15 jan

Um dia desses deparei-me com um gibi da Disney e quis checar que espécie de mundo esses quadrinhos passam para nossas crianças.

Antes de mais nada, vale notar que o Estados Unidos é um país que ama quadrinhos, e é responsável por uma grande parte da produção desta arte. E também vale notar que a empresa Disney é norte-americana. Até aí, tudo muito lindo. Agora, o fato de que os quadrinhos Disney não são muito comercializados nos EUA é um tanto curioso. Que a maior parte de suas histórias são produzidas em países como a Itália e a Dinamarca. Que mesmo os autores norte-americanos enviam antes as obras para esses outros países… bem, somem 2 com 2.

De qualquer maneira, o gibi que encontrei é esse aqui:

35

É um encadernado com 4 edições simples da revista alemã do Pato Donald. Contém histórias de épocas e com personagens variados, então servirá para nosso teste. Vamos a um resumo de cada história:

  1. Os Metralhas tentam roubar o Tio Patinhas.
  2. Mickey e Pateta bancam os detetives e conseguem prender, no lugar da polícia, um certo assaltante.
  3. Tio Patinhas vai a um país selvagem, onde encontra, em um ruína que ele invade, um capacete que o permite controlar a mente dos outros e fazê-las darem dinheiro para ele.
  4. Tio Patinhas sai de férias e encontra um arqui-rival. Começam uma competição de construção de castelos de areia que é explorada por um cara safado, que aproveita para vender cimento para os dois, aparentemente de forma ilegal (pois ele não avisa que é cimento).
  5. Mickey começa a receber notas realmente ameaçadoras com frases no estilo: “Daqui a três dias você estará perdido”, “amanhã… muito cuidado!”. Perde o sono, a saúde, fica transtornado e paranóico, e no fim das contas eram seus “amigos” preparando uma festa de aniversário surpresa.
  6. Pato Donald consegue um emprego noturno para poder pagar as contas, e sofre muito com isso. Totalmente sem querer, ele evita um assalto na empresa.
  7. Pateta consegue um emprego na biblioteca, onde faz tudo errado, causando transtornos e infelicidade aos outros empregados, mas acaba por evitar um assalto lá.
  8. Os Metralhas tentam roubar o Tio Patinhas.
  9. Tio Patinhas compra um castelo. Donald precisa fazer todo o trabalho, mesmo não tendo nada a ver com a história. O arqui-inimigo do Tio Patinhas tenta fazer alguma coisa, dá errado, e no fim o Tio Patinhas o obriga a atuar como fantasma do castelo.
  10. Mickey e Pateta ganham um sorteio, mas o bilhete acaba voando e caindo na cesta de uma senhora. Ela entra em pânico ao ver os dois indo perto dela para conversar, a polícia os detém, mas depois eles ganham o prêmio – uma vassoura – que o premiador dá na cabeça deles, pois ele é marido da velha que surtou.
  11. Tio Patinhas começa a ler conselhos de biscoitos da sorte chineses, por sugestão daquele primo bobalhão do Donald, o Peninha, e tudo começa a acontecer de errado com ele.
  12. O Super Pateta perde seus amendoins mágicos e vários criminosos se aproveitam disso para ficar super-poderosos e roubar a cidade.
  13. Uma plantação de chá e de açúcar do Tio Patinhas fica alagada, o que causa uma chuva torrencial de chá (por que não?). Tio Patinhas vê nisso um jeito para lucrar. Só que a prefeitura não gosta e quem precisa consertar tudo é o Pato Donald, que não tinha nada a ver com a história.
  14. Tio Patinhas, Donald e sobrinhos vão a uma região com vikings, onde fazem o famoso “trocamos bobeiras por itens de ouro”. Os vikings ficam bravos (por outra razão) e tentam matar o Donald, que desperta – era tudo um sonho.
  15. Minnie e aquela vaca que esqueci o nome (chamemo-la de Vaca) brigam seriamente pois a Minnie consegue um papel em um filme que a Vaca julgava que deveria ser dela. O filme é dirigido por um diretor super famoso, que todos conhecem. Mas na verdade, o diretor queria apenas roubar coisas que existiam na casa que alugaram para filmar (por que não?), e o Mickey consegue salvar a todos.
  16. Tio Patinhas vai viajar, e Donald precisa cuidar de seu cachorro (sem ter nada a ver com a história).
  17. Os Metralhas tentam roubar o Tio Patinhas (sim, de novo).
  18. O Mickey precisa renovar sua carteira de motorista e o professor é o Pateta, que faz seu amigo receber inúmeras multas de trânsito ao ensiná-lo.
  19. O Gastão vai pedir dinheiro para uma boa causa e o Donald trata ele com bastante má-educação. Para pedir desculpas, Donald picha a caixa-forte do Tio Patinhas com uma mensagem.

E isto é tudo. Percebe-se que a grande, grande maioria das histórias trata de roubos, em uma frequência de país da África sub-sahariana durante uma guerra civil. Outra parte é de tramóias/exploração-emocional-e-física-de-parentes feitos pelo próprios “heróis” das histórias. Outras lidam com pessoas com limitações mentais que prejudicam os seus próximos, sem responder jamais pelos seus atos. E não são muito bem escritas.

Eu, pessoalmente, não deixaria um ser humano, quanto mais uma criança, chegar perto dessas histórias. Então:

tumblr_inline_mstud6cvjt1qz4rgp

Semana que vem irei pegar um número mais ou menos igual de histórias da Turma da Mônica, para termos um comparativo.

 
Deixe um comentário

Publicado por em 15/01/2016 em Geral, Quadrinhos

 

Tags:

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: